Dicas

Como começar a estudar para concurso

Por fevereiro 20, 2018outubro 8th, 20201 Comentário
Como começar a estudar para concurso

Se você resolveu começar a estudar para concurso, este conteúdo é para você. Se já está estudando há algum tempo já, pode ser que as dicas ajudem você também!

Aqui apresentaremos dicas simples, porém valiosas, que ajudarão aqueles que desejam estudar para concurso público a se manterem focados e motivados.

Esse método simples vai ajudar os candidatos a colocarem a mão na massa e melhorar, dia após dia, o seu processo de estudos.

Prepare a mente e o corpo

Não adianta acordar um dia e querer passar o dia todo em uma biblioteca. Para conseguir manter foco e disciplina, é importante, antes de tudo, condicionar seu corpo para isso.

Alimente-se bem

O cérebro consome energia e, para ele funcionar direito, é preciso ter uma fonte contínua de energia e nutrientes. Consumir alimentos de fácil digestão é uma solução.

Durma bem

O sono está diretamente ligado com a consolidação da memória de longo prazo. Estudar demais e não descansar depois, não permite que as informações sejam armazenadas como deveriam.

Faça exercícios físicos

É cientificamente comprovado que fazer exercícios físicos ajuda na retenção de conhecimento. Além disso, exercitar-se contribui para duplicar ou até triplicar a formação de novos neurônios no cérebro.

Equilibre a mente

Para aprender de verdade aquilo que está estudando, é preciso que o candidato se doe ao assunto que está aprendendo.

É preciso esforço para conseguir concentração e, somente assim, obter os resultados esperados.

Como preparar a mente e o corpo para os estudos

Comece com pouco 

Ter um objetivo “palpável” contribui para que ele seja atingido. Mesmo que o objetivo final seja passar em um concurso público de nível médio ou para juiz.

Aqueles que estão começando a se dedicar para um concurso estão todos, de alguma maneira, distantes de seu objetivo.

Em vez de focar no número de matérias exigidas em um edital, você deve escolher um número reduzido para iniciar os estudos. Duas disciplinas serão o suficiente para dar o primeiro passo.

Esse número de matérias a serem estudadas têm uma explicação: é cientificamente comprovado que rotacionar matérias é um método que aumenta o desempenho.

É recomendável, por exemplo, que se inicie por Língua Portuguesa e Direito Constitucional, pois existem inúmeros concursos públicos que exigem essas matérias.

Planeje o que vai estudar

Ter um planejamento de quantos capítulos serão estudados de cada matéria ajuda a criar um ciclo básico de estudos.

Por exemplo: se o candidato estuda 15 capítulos de Constitucional e 10 de Língua Portuguesa, ele faz um ciclo de 25 unidades por estudo.

Comece os estudos da maneira mais simples possível. Aqui na EduQC, nós usamos inteligência artificial para a criação de um cronograma.

Para aqueles que estão iniciando os estudos para concurso público agora, o mais importante é “dar o pontapé inicial”.

Faça questões

Somente após começar a estudar para concurso que será possível compreender o que poderá ser feito para gerar melhorias em seu método de estudos.

Uma dica é estudar um capítulo e resolver as questões dele e, em seguida, alternar as matérias.

O foco deve ser a resolução das questões. Mesmo com vários métodos criados, especialistas indicam que o mais funcional é resolver questões.

O candidato deve responder o máximo que puder. E, quanto mais, melhor. Afinal, após algumas centenas de questões do mesmo assunto, ele estará tão bem preparado que saberá a resposta antes de acabar de ler o enunciado.

São as questões que levarão aquele que está se preparando para um concurso público rumo à aprovação. Por isso, estudar um pouco todos os dias, fazendo disso um processo diário, é indicado.

Meça seu desempenho

Não há como gerenciar o que não pode ser medido e, se isso não é feito, não há como saber se está havendo melhora.

O cérebro precisa ser estimulado a todo tempo. Se ele não souber que o estudo está o aproximando da aprovação, a concentração fica limitada e o aprendizado também.

À medida que o candidato avança nos estudos, é preciso melhorar os métodos de acompanhamento.

A plataforma da EduQC usa algoritmos complexos para medir esse desempenho. Mas para aqueles que estão começando os estudos, usar métodos mais simples é o suficiente.

O candidato deve medir duas coisas: sua taxa de acertos a cada capítulo e a quantidade de capítulos que estuda por semana.

Então, após uma semana, ele saberá qual a porcentagem das questões que acerta, além de quanto tempo seu objetivo está conseguindo cumprir.

Tendo esses dados em mãos, o candidato também terá um poderoso motivador. Informações simples como estas têm grande potencial em motivar.

Estudar sem saber se está melhorando é ruim, mas perceber que, dia após dia, há aumento nos acertos, é um grande fator motivador para permanecer focado nos estudos.

Repita

A melhor forma de gravar a informação estudada é, ao fim de cada ciclo, fazer uma reflexão e se perguntar:

  • O que funcionou?
  • O que não funcionou?
  • O que pode melhorar?
  • Dá para adicionar outra matéria?

O autoconhecimento é muito importante para obter bons resultados na preparação dos estudos para um concurso público.

Após fazer essa análise, é importante começar tudo de novo. Você deve estudar as mesmas disciplinas novamente e ir acrescentando quantas mais forem convenientes.

Depois de 3 ou 4 ciclos, terá revisado várias vezes as disciplinas mais importantes e estará pronto para complementar seus estudos com outras matérias mais específicas quando um edital de seu interesse for publicado.

Os passos acima ajudarão todos aqueles que precisam se organizar e começar a estudar para o concurso público dos seus sonhos.

Mas caso você ainda encontre dúvidas sobre como prosseguir, nós da EduQC oferecemos um serviço de consultoria para concursos. Será que você precisa de uma consultoria?

1 Comentário

Deixe um comentário