Concursos

Dia do Servidor Público: conheça histórias inspiradoras

Por outubro 28, 2020Sem comentários
Histórias Inspiradoras de concurseiros

Você sabia que 28 de outubro, é comemorado o Dia do Servidor Público?

Pode ser que você esteja estudando para concurso há um tempo. Ou, quem sabe, você já seja concursado e esteja tentando passar para uma vaga ainda melhor. Ou ainda que você esteja estudando pela primeira vez.

De qualquer jeito, parabéns! Esse dia também é seu!

Nós sabemos que a rotina de preparação não é nada fácil e tem muitos desafios para qualquer pessoa.

Trouxemos hoje a história de dois estudantes, que se preparam aqui com a EduQC Concursos, para ajudar a te inspirar e não desistir desse sonho tão importante.

Apesar de estudar ser um ato solitário, fique sabendo que você não está sozinho nessa!

Rotina de estudos para o concurso dos sonhos

Todos os dias, Carolina Liberato acorda às 7h40 da manhã para estudar. Seus estudos começam às 8h30, logo após o café da manhã, e vão até 12h20, quando ela faz seu treino físico.

“Tento estudar o maior tempo possível na parte da manhã, que é o meu turno de melhor performance”, afirma a moradora de Belo Horizonte, capital mineira.

Carolina destaca que tem consciência de que encontrar um horário que renda mais é fundamental.

“É muito importante avaliar isso para tirar o melhor do dia de estudo”, disse a estudante, que precisou tomar uma decisão nada fácil de sair de seu emprego para se dedicar inteiramente aos estudos para o concurso da PCDF.

Primeira lição aqui pra você: encontre também o seu melhor horário para estudar, ou seja, aquele que você vai render mais.

Com o turno da tarde disponível, Carolina Liberato, depois do almoço, estende seu horário das 14h às 18h, no máximo até as 19h, horário que ela começa a sentir o cansaço, algo que acredita que seja porque era quando costumava sair do trabalho.

Vez ou outra ela sai para beber com os amigos, mas no geral o álcool interfere bastante na sua rotina – pequenos sacrifícios que faz em prol de um sonho maior.

Apesar das suspensões do concurso PCDF terem sido um balde água fria, ela acredita que manter a disciplina e a persistência é fundamental. Nas suas palavras, “saber a hora de começar e a hora de parar é o mais importante para não morrer na praia”.

Segunda lição, concurseiro: mesmo que as notícias abalem você, não deixe que isso interfira na sua preparação e na conquista do seu sonho.

Histórias inspiradoras nesse Dia do Servidor

Planejamento ajuda a conciliar várias atividades

A gente sabe que também que um grande desafio de muitos estudantes é conciliar a preparação para concursos com o trabalho. É o caso de Ricardo Blaustein, de Mogi das Cruzes, interior de São Paulo.

Ele acorda cedo para as aulas da faculdade e trabalha no turno da tarde, de forma que o único momento que tem para se dedicar à preparação para concursos é durante a noite, quando volta para casa.

Ainda que só tenha tempo para estudar à noite, Ricardo Blaustein já sente uma evolução que atribui à plataforma da EduQC.

“Os estudos estão me ajudando para a aprovação em concursos, assim como estão me ajudando na faculdade”, afirma o candidato. “Não preciso mais estudar horas, a matéria ficou mais clara e simples.”

Mesmo precisando dar conta de todas essas atividades, o planejamento ajudou Ricardo a conciliar as tarefas e ainda assim evoluir nos estudos para seu sonho de alcançar a estabilidade e independência financeira e, principalmente, tornar-se juiz.

Lição número 3: tenha um planejamento que englobe todas as suas atividades e uma forma de organizar o que você precisa estudar, para conseguir render mais, ainda que tenha pouco tempo.

Um método para acompanhar seu ritmo

No começo da sua trajetória, Carolina Liberato teve dificuldade de encontrar um método ideal e realista, que se adequasse às suas necessidades, já que ela sabia que estudar sozinha seria um desafio.

O que a encantou na EduQC Concursos foi justamente a proposta ser real, isto é, não haver a promessa de aprovação em um ano nem nada do tipo, algo que achou muito diferente das propostas que encontrou na sua pesquisa.

Seu nível de conhecimento na plataforma já cresceu de 60% para 90%. Ela não sabia conteúdos de Matemática como MMC e MDC, por exemplo, e hoje acerta todas as questões relacionadas.

A proposta era muito real pra mim. Não havia promessa de passar em concurso em um ano, não havia segredo, conta.

A plataforma a ajuda a perceber quais matérias tem mais dificuldade e onde precisa melhorar. Além disso, ela sabe o que pode priorizar menos, algo que no seu processo tem sido fundamental para a evolução.

Foi através da EduQC também que ela conheceu métodos como mapas mentais e a técnica pomodoro, além de conseguir se organizar muito melhor.

E é evoluindo que a estudante segue no seu caminho, esperando pela vitória e a superação, além da certeza de trabalhar com algo que gosta.

E você, concurseiro, onde você pretende estar no próximo Dia do Servidor Público? O que representa para ti o sonho da aprovação?

Deixe um comentário